Sábado, 25 de Janeiro de 2014

Consternação?

Estou indubitavelmente cansada. Desta cidade. De ver as mesmas caras praticamente todos os dias. Por vezes, só anseio por uma mudança para um sítio onde ninguém me conheça e onde tenha a certeza que possa começar do zero. Sinto que é triste pensar assim, sendo eu tão nova. Será isto apenas uma fase?

 

tags: ,
publicado por Catherine às 20:10
link | comentar | ver comentários (10) | favorito
Sábado, 11 de Janeiro de 2014

Uma das coisas mais importantes que retive do que a vida já me ensinou foi que...

... com o tempo, vamos aperceber-nos de que algumas pessoas simplesmente não valem o esforço

tags:
publicado por Catherine às 23:26
link | comentar | ver comentários (6) | favorito (1)
Segunda-feira, 29 de Julho de 2013

...

Fazer escolhas, a isso se chama crescer. Saber abdicar do que nos é importante por razões maiores.

Razões maiores a que nos obriga a vida porque, a essa, ninguém chama de fácil.


Imputando a vida pelas nossas falhas e indecisões:

Será que o que vai, volta? Em que circunstâncias?

E procurar consolo em memórias passadas? Será reconfortante ou desgastante?

Porque se há coisa que dure são as memórias. Nutrir esperanças, sentimentos...


Reviver o passado.

O passado que não volta; Viver na sombra do que não é certo, deixar ir o que já foi e não é para ser mais.

O passado é um espelho, um espelho de reflexos. E os espelhos, por vezes, partem-se.

Olhar para trás e perceber que o que teve já não tem.

Adeus infância, 

Não grites ao mundo aquilo que és,

Deixa livre os pássaros

Qua a vida é breve, e a infância mais breve ainda...

 

Solto as palavras porque, no fundo, quem está mais vazia do que as perguntas que se colocam, é a minha alma.

tags: ,
publicado por Catherine às 15:34
link | comentar | ver comentários (7) | favorito

(+) tralhas

info

tags

tumblr

instagram

sem teias de aranha (ainda)

Consternação?

Uma das coisas mais impor...

...

Eu acho que

A Vida